Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Entre Marido e Mulher

Entre Marido e Mulher mete-se o filho, a casa e a colher surgiu com a vontade de fazer um upgrade no anterior blog (New Life Inn). Além das aventuras com a casa, passamos a ter o filho e a colher que mexe com as nossas vidas. Acompanhem esta viagem

Piso radiante eléctico...


"Piso radiante eléctrico? Porquê essa opção e não com uma fonte de energia mais económica"

Hoje recebemos esta pergunta nos comentários do blog e não podia deixar de explicar a nossa opção!
Antes de pensarmos no tipo de aquecimento que iríamos escolher, decidimos investir num bom isolamento da casa para reduzir ao máximo o número de vezes em que o aquecimento supostamente terá que ser ligado.
Para quem não reparou, as paredes exteriores da casa têm 30cm de largura, compostas por um tijolo de 15cm, isolamento de 4cm e mais um tijolo de 11cm. Além disso, pelo lado de fora da casa as paredes serão isoladas com um sistema designado por "capoto" com 4cm, para evitar que as próprias paredes da casa cheguem a aquecer, ou pelo menos reduzir ao máximo a sua temperatura.
Quanto ao aquecimento propriamente dito, ou apostávamos num aquecimento com um investimento inicial mais caro mas mais económico no seu funcionamento, ou então no contrário, que foi o que fizemos....
O Piso radiante eléctrico requer um investimento inicial muito mais baixo que o piso radiante a água quente, apesar de ainda não ter preços acredito que a diferença será sempre superior a 10mil euros!!! Espero que esse valor dê para ligar o aquecimento durante muitos e bons anos!

Acredito que hajam outras opções, mais económicas e/ou mais ecológicas, mas no nosso caso penso que será a melhor opção, só o tempo o dirá :)

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.